Uma sessão de cinema que remonta a sua infância era tudo o que eu precisava em uma manhã cinza e fria em BH. “DPA. – Os Detetives do Prédio Azul – o filme” me deu uma saudade de acompanhar aventuras de séries como Castelo Ra-Tim-Bum e No Mundo da Lua. Pra quem tem crianças em casa e busca uma diversão leve e agradável, o filme é mais que recomendado. Baseado na série de TV do canal a cabo Gloob, e distribuído pela Paris Filmes, mais uma vez poderemos acompanhar as confusões aprontadas pelos moradores do Prédio Azul.

 

 

Os amigos Bento (Anderson Lima), Sol (Leticia Braga) e Pippo (Pedro Henrique Motta) se aventuram a investigar a mudança de comportamento da síndica de seu prédio, a feiticeira Dona Leocádia (Tamara Taxman) após uma festa misteriosa, cheia de bruxos na qual algumas coisas estranhas aconteceram. Com a ajuda do porteiro Severino (Ronaldo Reis) a turma percorre diversos locais do Rio de Janeiro em busca de pistas sobre o que aconteceu na noite anterior, que periga mudar a vida deles.  Em clima de muita amizade e procura pela aventura, o longa parece um episódio mais longo e mais elaborado do cotidiano desses três amigos. Feito sob medida para agradar aos fãs das série e entreter a família.

 

 

Para isso, eles contarão com a ajuda dos veteranos Tom (Caio Manhente), Mila (Letícia Pedro) e Capim (Cauê Campos) ex-membros do clube, agora adolescentes. Temos também a participação dos atores Ailton Graça, Mariana Ximenes, Otávio Müller, Maria Clara Gueiros e George Sauma; André Pellenza assina a direção. Uma boa pedida para os dias de férias das crianças.

 

 

 

Nota: 3/5