Título: Ninguém Nasce Herói
Autor: Eric Novello
Editora: Seguinte
ISBN: 9788555340420
Ano: 2017
Páginas: 378

 

 

 

Num futuro em que o Brasil é liderado por um fundamentalista religioso, o Escolhido, o simples ato de distribuir livros na rua é visto como rebeldia. Esse foi o jeito que Chuvisco encontrou para resistir e tentar mudar a sua realidade, um pouquinho que seja: ele e os amigos entregam exemplares proibidos pelo governo a quem passa pela praça Roosevelt, no centro de São Paulo, sempre atentos para o caso de algum policial aparecer. Outro perigo que precisam enfrentar enquanto tentam viver sua juventude são as milícias urbanas, como a Guarda Branca: seus integrantes perseguem diversas minorias, incentivados pelo governo. É esse grupo que Chuvisco encontra espancando um garoto nos arredores da rua Augusta. A situação obriga o jovem a agir como um verdadeiro super-herói para tentar ajudá-lo — e esse é só o começo. Aos poucos, Chuvisco percebe que terá de fazer mais do que apenas distribuir livros se quiser mudar seu futuro e o do país.

 

Ninguém Nasce Herói, nos conta a historia de Chuvisco, um jovem rapaz que trabalha como tradutor e que vice com seus amigos em um país governado por um autoritário que é nomeado de O Escolhido.

Chuvisco e seus amigos encontraram uma forma de protestar diante das suas indignações e insatisfações pelo governo distribuindo livros nos ambientes públicos, mesmo que esse ato seja crime na sociedade.

Para piora a situação do país, existem milícias urbanas que atuam contra as minorias e são incentivadas pelo governo.

Quando ele tem que arriscar sua vida para salvar a de um amigo, Chuvisco começa a se perguntar sobre o que deve mudar e fazer para tentar transformar a sociedade em que ele vive.

 

Eric Novello conseguiu colocar nesse livro muito do que estamos vivendo no nosso pais de uma maneira leve e fácil de entender. Durante toda a leitura conseguimos fazer ligações entre a sociedade criada,  a nossa sociedade real e os fatos que estão aparecendo na mídia a cada momento na política, na econômica e na sociedade como um todo.

O livro é bem escrito e mesmo sendo um tema mais denso, a leitura flui bastante. A narrativa é feita em primeira pessoa e durante a leitura encontramos vários acréscimos que tornam a leitura mais gostosa como os roteiros dos vídeos e os emails do psiquiatra.

Os personagens são bem descritos e reais, tanto que senti como se fosse encontrar qualquer um deles a qualquer momento na rua.

Como li a prova, ainda não vi a diagramação do livro, mas a capa já está disponível e está de acordo com a idéia do livro. A sinopse da prova está bem descrita e não soltou nenhum spolier,.

Recomendo o livro Ninguém Nasce Herói para todos que tem interesse em livros que fazem você para um pouquinho para pensar o que pode fazer para melhorar o mundo em que vivemos, pois uma das lições dele é que você pode mudar o mundo por boas ações e atitudes simples sem precisar esperar toda a sociedade mudar.